Paulo Afonso, 29 de fevereiro de 2024

Geral

Hospital do BTN está sendo reestruturado para melhorar atendimento

Nos últimos seis meses já foram realizados mais de 50 mil procedimentos em várias especialidades

Por ASCOM/PMPA, 11/06/2019 ás 16:14

A Prefeitura de Paulo Afonso continua investindo para que o Hospital Municipal Aroldo Ferreira (HMPA), localizado no Bairro Tancredo Neves, siga prestando um atendimento de qualidade à população. O local abriga serviços em diversas áreas e especialidades e se prepara para receber uma Unidade de Pronto Atendimento (UTI) e um Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI).

O atendimento na unidade de saúde tem como prioridade a humanização dos serviços. “Desde a recepção, acolhimento, o paciente é acompanhado por uma equipe técnica e que vai prestar todo o suporte necessário”, afirma o secretário extraordinário de Gestão Hospitalar, Ghiarone Garibaldi.

Ainda de acordo com o secretário, o local passa por um processo de novas resolutividades. “Ou seja, deixar o paciente o menor tempo possível na unidade e isso se faz com gestão humanizada e pensando no bem coletivo”, reforça.

Com a chegada da Unidade de Terapia Intensiva (UTI), que vai abrigar 10 leitos e está sendo erguida em parceria com o Governo do Estado, a logística de pronto atendimento sofrerá algumas alterações.  “Hoje não temos uma emergência 24 horas e estamos preparando o hospital para esse tipo de atendimento. Alguns departamentos precisam sofrer algumas alterações, a exemplo da reanimação que vai ser adaptada para 10 leitos, além de reformar outras alas, tudo isso para que a gente interaja com a UTI”, enfatiza Ghiarone.

Os investimentos constantes refletem em milhares de procedimentos. Somente de novembro de 2018 a abril último, foram realizados mais de 50 mil atendimentos nas áreas de clínica, cirurgia e pediatria.

Com a reforma dessas áreas e a instalação de novos equipamentos, como aparelho para ultrassom, a obtenção de 45 camas elétricas e 45 poltronas reclináveis para acompanhantes, o HMPA amplia a oferta de atendimento prestado a população.

Centro de Diagnóstico por Imagem

O HMPA se prepara para receber um Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI). A ação é um investimento municipal e o local vai contar com exames de ressonância magnética, tomografia, ultrassonagrafia, eletroencefalograma, eletrocardiograma, raio-x digital, mamografia e densitometria óssea.

“Nosso CDI vai ser completo, pronto para atender os serviços de alta complexidade. Esses aparelhos vão mudar a realidade do tratamento por imagem em nosso município”, aborda Garibaldi.

Outra área que está sendo ampliada é a emergência infantil, que ganha seis novos leitos e uma sala de estabilização, garantido mais conforto e melhor atendimento para este público. A requalificação do HMPA engloba ainda a modernização da recepção geral, com a implantação de um espaço para o acolhimento das pessoas que ficam à espera dos pacientes, com a instalação de bebedouro e banheiro.

A qualidade dos serviços prestados pela unidade de saúde garante mutirões de cirurgias em parceria com o Governo do Estado. Em outubro de 2018, foi ofertado um mutirão de cirurgias eletivas, que contemplou cerca de 900 pessoas, sendo mais de 400 cirurgias realizadas no HMPA.

Sobre o Serviço de Atendimento Móvel e Urgência (Samu), Ghiarone aponta que algumas melhorias serão implantadas. “É preciso se ter uma pronta resposta em todos os sentidos. Conversei com o prefeito e ele concordou que é preciso ser montada uma nova base, aprimorando ainda mais o serviço e contribuindo com a qualidade da assistência da população”, acrescenta.

Os comentários não representam a opinião do Tribuna Mulungu. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Veja também

Relacionado Posts