Paulo Afonso, 22 de fevereiro de 2024

Feiras e Mercados

Estacionamento do CEASA vira extensão da feira livre e usuários reclamam

Da Redação Tribuna Mulungu – Publicado em 03/11/19 às 14:10h

Moradores do BTN reclamam da ocupação indevida do estacionamento por feirantes no CEASA do BTN

Moradores do BTN enviaram para a redação imagens da ocupação indevida do estacionamento no entorno do CEASA. Nessas imagens é possível perceber diversos veículos estacionados com mercadoria exposta a venda, barracas com mercadorias e pontos de Moto Táxi ocupando as vagas reservadas aos veículos.

Foto enviada por internauta leitor do site

Todo mundo tem o direito de trabalhar, e deve obter apoio para isso, mas os clientes usuários do mercado público e da feira livre reclamam que, deixar os veículos longe do Pátio da Feira é muito ruim, complica a vida dos mais idosos ou dos que tem dificuldade de locomoção, além de obrigar as pessoas a estacionar em locais muito afastado, expondo-as e aos seus veículos a um risco desnecessário.

Foto enviada por internauta leitor do site

A prefeitura precisa reorganizar o estacionamento e a própria feira, e até que isso seja feito, as autoridades devem providenciar o aumento do efetivo policial e da guarda municipal para assegurar a tranquilidade aos consumidores que por ali transitam.

Foto enviada por internauta leitor do site

A prefeitura, que vem trabalhando intensamente e está transformando a “cara” do bairro, precisa juntar as secretarias envolvidas, os feirantes e comerciantes instalados no CEASA, e, em uma grande parceria, colocar em ação um plano para transformar aquele espaço em um lugar confortável e agradável para usuários e consumidores.

Foto enviada por internauta leitor do site

As pessoas adoram a feira livre, mas muito gente está deixando de ir ao CEASA aos domingos por conta de problemas relativos a higiene e segurança no local. A concorrência com grandes supermercados, que oferecem estacionamento, segurança, higiene e organização, está afastando o consumidor das feiras livres da cidade.

Foto enviada por internauta leitor do site

Paulo Afonso precisa seguir o exemplo das grandes e médias cidades e transformar os seus espaços de feira em ambientes nos quais o consumidor se sinta bem e queira frequentar.



Os comentários não representam a opinião do Tribuna Mulungu. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Veja também

Relacionado Posts