Paulo Afonso, 22 de maio de 2024

Artigos

Ampliação da Jornada de Trabalho

Quem ganha com isso?

Uma demanda histórica da classe trabalhadora organizada é a redução da jornada semanal do trabalho de 44 para 40 horas. Já o entendimento do atual presidente Bolsonaro é de ampliar a jornada com a inclusão do sábado, domingo e feriados como dias normais de trabalho. Ou seja, segundo proposta defendida pelo governo o/a trabalhador/a não deve ter o direito ao descanso semanal remunerado.

Fica claro que o governo não tem interesse algum em gerar emprego e renda. O intento do governo é de, por pura convicção ideológica, submeter a classe trabalhadora as piores condições de trabalho e sem o mínimo direito de puder desfrutar do descanso justo. Isso é retroceder sob pontos importantes que foram fruto de muita resistência histórica. Não tem sido pautado nenhum tipo de ganho real na base salarial frente a proposta de majoração da jornada de trabalho.

Esse governo acabou com o ministério do trabalho e emprego – MTE e segue com uma agenda de ataques ideológicos e não reconhece os altos índices de desemprego. Os tratados internacionais e os indicativos da Organização Internacional do Trabalho – OIT tampouco serão levados à sério.

Com essa proposta dentre tantas outras seria possível fazer uma junção do pacote de maldades do governo. A ampliação da jornada de trabalho e do tempo de contribuição previdenciária não parece tão ruim assim. Se continuar nessa pegada o governo caminha à passos largos para alcançar a prática do trabalho análoga à escravidão.

Enquanto isso o setor patronal, é só risos. Ainda não foi apresentada proposta por parte do governo que vise aliviar sequer um pouco para o pobre, os ricos agradecem. Por enquanto o governo que aí está, não tem vexame de taxar as grandes fortunas nem tampouco de combater privilégios.

Finalizo com a esperança de que dias melhores estão por vir.

Geraldo Alves – Comunicador Popular

Os comentários não representam a opinião do Tribuna Mulungu. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Veja também

Relacionado Posts