Feminicídio com requintes de crueldade é evitado por denúncia anônima em Paulo Afonso

Feminicídio com requintes de crueldade é evitado por denúncia anônima em Paulo Afonso

Por: Patrícia Santos – Publicado em 17/05/2020 às 08:15

O Brasil é o quinto país do mundo onde mais se assassinam mulheres. Na maioria das vezes, o crime é cometido por um conhecido, vizinho ou companheiro. O feminicídio, dizem especialistas, é previsível – e há como evitá-lo

Segundo informações da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher, no período de quarentena a violência doméstica e familiar contra a mulher cresceu.

Neste sábado (16), mas uma mulher foi torturada pelo companheiro em Paulo Afonso,desta vez no BTN. A vítima foi resgatada por policiais do programa Ronda Maria da Penha da Polícia Militar, após uma denúncia anônima.

A mulher teve spray de pimenta lançado no rosto, além de ter sofrido com aparelhos de choques e ser golpeada de punhal. A tentativa de feminicídio aconteceu porque, segundo foi apurado, a mulher queria se separar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *